Sete sintomas físicos associados à depressão

A depressão é um distúrbio de saúde mental que pode causar sintomas físicos e psicológicos. Os possíveis sintomas físicos incluem: a perda de apetite e a perda de peso, problemas gastrointestinais, aumento da sensibilidade à dor, perda de interesse sexual, sono perturbado, cansaço físico e problemas cognitivos.A doença depressiva é provavelmente a doença mais mascarada, uma vez que é muitas vezes confundida com outras patologias. Muitos episódios deste distúrbio são transitórios e devem ser encarados como normais, no entanto 10% da população sofre com a doença depressiva significativa (Murtagh, 1996, Compêndio de Clínica Geral). Os sintomas mais conhecidos da depressão são os emocionais, como a tristeza, a sensação de insuficiência, a irritabilidade e o pessimismo. Estes sintomas podem ocorrer como resultado de alterações na atividade cerebral, contudo, embora a depressão afete a forma como nos sentimos, esta pode também afetar o nosso bem-estar e saúde física.

Infopédia de Bárbara Videira

Os sete principais sintomas físicos associados à depressão são:

1. Mudanças no apetite e peso

A depressão constitui um quadro psiquiátrico frequentemente relacionado a distúrbios alimentares, que ocorrem devido à perda ou ganho de peso em grau significativo quando não em dieta (por exemplo, mais de 5% do peso corporal em um mês) ou à diminuição/aumento do apetite (ou por relato subjetivo ou observado por outras pessoas).

2Problemas gastrointestinais

Pessoas deprimidas tendem a ter problemas estomacais, tais como náuseas, cólicas, diarreia ou prisão de ventre, causadas pelo excesso de stress e ansiedade. De acordo a psicanalista Priscila Gasparini Fernandes, da Universidade de São Paulo (USP), “os pacientes podem chegar ao gastroenterologista com esses sintomas e, após vários exames clínicos, são diagnosticados como de fundo emocional.” i

3Aumento da sensibilidade à dor (hiperalgesia)

Fatores psicológicos podem influenciar a forma como as pessoas percebem a dor. Particularmente, no caso da depressão, ocorre uma baixa produção de noradrenalina e de serotonina, os mediadores responsáveis pela modulação da perceção da dor. As pessoas deprimidas comumente procuram atenção médica por várias queixas somáticas subjetivas e persistentes, como cefaleias constantes, dores nas costas e no peito.

4Perda de interesse sexual

Um dos principais sintomas da depressão é a perda de interesse nas atividades habituais (anedonia) que anteriormente eram consideradas agradáveis, como o sexo. A diminuição acentuada do interesse sexual (i.e., disfunções sexuais e redução de libido) é um sintoma frequente, no entanto pode variar de pessoa para pessoa. 

5Distúrbios do sono

Os transtornos do sono são também frequentemente associados ao transtorno depressivo. Cerca de 80% dos pacientes diagnosticados com depressão apresentam alteração nos padrões do sono, que incluem uma variedade de sintomas de insónia, como a dificuldade para adormecer, o sono inadequado e/ou não-restaurador, ou o contrário, o sono excessivo.

6Cansaço físico

A lassitude, a fadiga e a falta de energia são termos mais ou menos sinónimos, que se referem ao cansaço ou à perda da sensação de bem-estar típicos dos indivíduos de corpo e mente saudáveis. Estes sinais e sintomas são comuns em pessoas com depressão, que podem sentir um cansaço físico desproporcional.

7. Problemas cognitivos

Na avaliação neuropsicológica de pacientes deprimidos, os domínios cognitivos mais commumente afetados são: a diminuição da capacidade de raciocínio, a falta de concentração, a atenção e a indecisão.

Infopédia de Bárbara Videira

Estes sintomas físicos podem não ser reconhecidos imediatamente como sinais de depressão, contudo é importante estar alerta e consultar um profissional de saúde de forma a obter um diagnóstico e tratamento adequados.

i Website MinhaVida. (2018). 8 sintomas físicos de depressão além da tristeza.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.